2017 foi o que? Foi uma montanha russa de emoções! | Leonardo Dantas
29 dezembro 2017

2017 veio como um furacão e já está no fim. Assim como no ano passado, vamos de retrospectiva de novo! Pra mim não foi um ano tão fácil assim, principalmente agora no final. Mas vamos por partes…

Antes de começar o post sobre meu ano, alguém reparou que o layout do blog mudou um pouquinho e ficou mais organizadinho? Fiz esse layout “novo” pra comemorar o primeiro ano do blog e eu to amando! Vocês gostaram?

2017

Esse ano foi meu primeiro ano (de verdade) com o blog. Resolvi voltar a escrever pra você que está ai do outro lado há um ano atrás e eu devo confessar que, ao mesmo tempo que é uma delicia saber que você me acompanha, também é muito trabalhoso. O ano começou com minha primeira mini-férias. Eu nunca pensei que fosse falar isso, mas eu amei meu verão! E apesar de não ter viajado, eu curti uma piscina bem delicia.

2017

Em março, tive meu primeiro recebido e o começo de uma parceria aqui no blog. Foi em março também que eu meti as caras e fui fotografar uma amiga pra sua festa surpresa. Eu tinha acabado de comprar a minha câmera e mal sabia tirar uma foto. Foi nesse mês também que eu decidi que iria criar um canal no YouTube e vencer toda a minha vergonha! Soltei meu primeiro video no dia 03! Não consegui dar continuidade no canal depois de 4 videos. O motivo: não me programei direito, quando tem gente em casa não dá pra gravar, entre outras coisas…

2017

Em abril teve meu aniversário! Eu não vou ser repetitivo e falar mais uma vez o quão eu gosto de fazer aniversario, mas quero registrar que em uma terça-feira eu consegui reunir boa parte dos meus amigos e familiares pra comemorar comigo. Eu não sei o que aconteceu, mas a partir dessa data, algumas amizades minhas foram se desfazendo. Eu não sei você que está lendo, mas dependendo da situação, eu não faço questão nenhuma de ir atrás de alguém, e essas pessoas que se foram, foi esse o caso!

2017

Pulando pra junho, eu fiz o primeiro sorteio aqui do blog e eu achei que iria ser o maior fiasco. Não pelo o que estava sendo sorteado (porque eu queria tudo pra mim), mas por eu estar começando e quase ninguém me conhecer. Mas foi uma experiência incrível!

2017

Em agosto, fui conhecer uma barbearia. Até então, eu só tinha feito a barba em casa. E vou contar uma coisa pra vocês: eu queria ir toda semana!

Em setembro, fiz meu primeiro desabafo aqui no blog. Foi um “hiatos” (alô blogueiros raiz!) que eu estava bem desanimado mas que não queria desistir. Aconteceram coisas que eu fiquei bem chateado — tá tudo explicado no post — mas que eu tentei dar a volta por cima.

2017

Em outubro eu resolvi que eu voltaria com o canal do youtube (você já é inscrito?). Liberei mais 4 videos, agora com uma edição melhor, com equipamentos melhores… Mas o canal entrou de novo em hiatos. A partir desse mês, eu precisei deixar o blog quase em segundo plano. O trabalho estava exigindo muito de mim e eu chegava em casa e só queria dormir… Eu não tinha animo pra trabalhar, pra tirar fotos e postar, pra fazer conteúdos legais pra você… Outubro foi um mês muito tenso no trabalho e eu cada dia mais estava desanimado de tudo.


(A partir desse ponto estou abrindo meu coração pra você, e espero que entenda).

Há algum tempo, trabalhar com vestidos de noiva não fazia mais sentido pra mim. Em novembro eu tomei minha decisão. Foi bem difícil, mas foi um sonho que chegou ao fim. Eu já não estava mais realizando sonhos junto com as noivas que sonhavam no ateliê, os únicos sonhos que eram realizados eram os delas. E o meu estava sendo deixado num sono profundo. Novembro foi o mês que eu decidi sair do ateliê. E está tudo bem, sério! O ateliê foi um sonho lindo pra mim e ele sempre vai fazer parte de quem eu sou, de quem eu me transformei.

Durante esse tempo, eu deixei o blog, instagram, facebook e qualquer outra rede social em stand-by. Foi um momento que eu precisa ter comigo mesmo. Eu precisava de espaço pra pensar, pra decidir o que seria feito. Antes que você me pergunte, não houve briga ou qualquer coisa do tipo. Foi apenas um ciclo meu que se encerrou e eu precisava deixa-lo terminar pra que um novo se iniciasse.

Dezembro foram meus últimos dias no ateliê. Hora de recomeçar! O ateliê SEMPRE vai ser parte de mim, mas eu não estava mais sendo parte dele. Amo as coisas que conquistamos nesse período e as pessoas que me receberam tão bem lá. Eu sou grato por toda essa caminhada até aqui e eu tenho certeza que o ateliê vai crescer cada vez mais.

Resumindo, meu 2017 foi cheio de emoções. As amizades que “perdi”, as amizades que ganhei, os laços que ficaram ainda mais fortes… As oportunidades que eu tive e as que não tive, as coisas que errei e que acertei… Tudo! Eu faria tudo de novo. Aprendi tantas coisas esse ano que eu não consigo nem ter do que reclamar.

E que 2018 venha com força e que todos os meus planos sejam realizados com sucesso.

E o seu 2017, como foi? Me conta aqui! A você, que está comigo o ano inteiro, te desejo um 2018 cheio de coisas boas e muitos sonhos pra sonhar! Nos vemos em janeiro, tá?

   

  • 29 dezembro 2017

    Adorei o texto, foi muito bom compartilhar alguns dos momentos contigo em 2017 você é muito chato, muito hater,mas eu gosto de ti! Pode contar comigo para o que precisar vamos lá um dois três quatro cinco seis sete oito nove dez

    [responder]